Obesidade infantil e alimentação correta

O que vai na lancheira do seu filho? O que ele come na escola? E em casa, belisca o tempo todo? Será que ele está fortinho e saudável ou indo em direção à obesidade?

Conversando com pais e mães percebi que é grande a falta de informação sobre alimentação correta para os pequenos. E está aí o Ministério da Saúde que não me deixa mentir: uma em cada três crianças com idade entre 5 e 9 anos estão com peso acima do recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e pelo Ministério da Saúde.

Estamos criando uma geração de gordinhos. Se, em 1970, os jovens entre 10 e 19 anos acima do peso eram 3,7%, em 2009 o percentual saltou para 21,7. Nada contra os gordinhos, adoro gordinhos. Mas a criança acima do peso pode desenvolver uma série de doenças como pressão alta e diabetes e nenhum pai ou mãe quer ver seu filho doente.

Se, como pai ou mãe, você se preocupa com a saúde do seu filho, deve se preocupar muito se a criança está mais cheinha do que deveria. E digo mais: se você for gordinho(a) ou tiver tendência para engordar, teve ter atenção redobrada e, por que não, mudar alguns hábitos da família – não é apenas a dieta da criança que deve mudar. Manter um peso adequado durante a infância é essencial para evitar a obesidade na vida adulta. E é importante ter bons hábitos desde cedo e passar o exemplo para o seu filho. Aproveite enquanto o filhote ainda é pequeno para ensinar a comer certinho e, se necessário, ajudá-lo a emagrecer.

Por isso, vou começar uma série sobre alimentação saudável e as principais armadilhas que você encontra por aí, especialmente nas prateleiras do mercado. Tem muita gente achando que é saudável e não entende muito bem porque engorda ou porque o filho está engordando. Será que você não está comendo um alimento calórico e cheio de sódio acreditando que é algo ótimo e saudável? Fica a reflexão.

Você tem dúvidas sobre a alimentação do seu filho? Pergunte nos comentários que o blog encontrará um especialista para responder a sua pergunta!

Fontes: Pesquisa de Orçamento Familiar (POF 2008/2009), Instituto de Geografia e Estatística (IBGE) e Ministério da Saúde.

Imagem: Pinterest

Anúncios

6 pensamentos sobre “Obesidade infantil e alimentação correta

  1. Pingback: Será que meu filho come muita comida industrializada? | E o papai, tá perdido?

  2. Pingback: Alimentos saudáveis para o seu filho. Só que não. | E o papai, tá perdido?

  3. minha filha tem 3 anos,pesa quase 30 kg.gostaria q vcs me ajudassem,ela gosta muito de besteiras e pega um pirraça quando quer as coisas.o faço.eu fico cm tanta do dela.mas tenho q reducar a alimentação dela.o q faço

    • Michelle, vá com ela fazer compras na feira, onde não tem besteiras. Peça ajuda para escolher frutas, legumes. Depois, em casa, para ajudar a colocar no prato antes de comer, por exemplo e elogie bastante, sempre. Deixe-a participar. Para a sua casa, não compre mais besteiras: iogurte adoçado, salgadinho, bolacha, chocolate… apenas não tenha. Não tendo, é mais fácil não dar. Procure alternativas mais saudáveis, como iogurte com mel, bananada sem açúcar (é só cozinhar as bananas maduras), sorvete caseiro (pique as frutas, congele em pedaços separados e na hora de comer bata com liquidificador. Funciona muito bem com manga e banana).
      Procure também um nutricionista especializado em crianças para ajudar. Também há grupos de apoio para pais. Dá uma olhada nesse link, que tem mais informações:
      https://eopapai.wordpress.com/2013/02/26/12-dicas-para-reeducacao-alimentar-de-criancas/

      beijos

  4. ola…. meu filho tem 8 anos e estou um pouco desesperada pq ele esta bem acima do peso…. esta obeso…. porem o que me preocupa é que ele nao gosta de fruta nenhuma a nao ser maçã a unica fruta que ele come…. pra vc ter ideia da minha preocupação é que ele só come no cafe da manha pão com margarina com nescal, ou mingal no copo( farinha lactea)… a noite a mesma coisa ou um ou outro…. fora que toda hora diz que esta com fome… e isso me irrita as vezes, nao sei o que faço pra ele comer o que realmente é saudavel…. ele nao gosta de sopa, frutas…. e o engraçado que quando ele pequeno de 1 ano ate 3 anos ele comia tudo… depois nao quiz mais…. nao sei o que faço.

    • Silvina, tudo bom? Acho que primeiro é ver se vocês estão tendo acompanhamento médico. .Isso é importantíssimo e o primeiro a ser feito. Segundo (espero sinceramente que você não fique brava, pois estou tentando ajudar), na minha visão, não dá pra ter guloseimas (nescau, farinha lactea, biscoito, etc) em casa. A criança sabe e vai querer e tudo fica muito mais difícil. Acho que dá pra fazer substituições menos calóricas e ainda gostosas como: nescau por cacau em pó (ou chocolate em pó, mas o cacau não tem açúcar e a intenção não é adoçar), biscoitos e bolachas por bananinha sem açúcar (é doce, mas natural), leite desnatado. Abolir de vez as frituras também é muito importante. E para ficar mais fácil sobre o que é saudável ou não, simplifique tudo e evite ao máximo o que é industrializado. Legumes, verduras, grãos, frutas, tudo saudável, sempre preparado com o mínimo de óleo e sal. Veio no saco ou na caixinha, tem que pensar duas vezes e ler o rótulo. Talvez mudar a apresentação da comida e deixar ele participar na hora de fazer ajude. Beijos

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s